Casamento:



VAMOS FALAR SOBRE O CASAMENTO.
Casamento é um passo muito importante que alguém dá na vida. Duas pessoas vinda de duas família com costumes completamente diferentes. Em 1Corintios 7:1-16 fala sobre o casamento. Mediante a Palavra de Senhor, se você resolveu se casar, esteja pronto para mudanças em sua vida. Explicarei melhor mais para frente.
Maridos e esposas, sabemos que nada era mais gostoso do que chegar em casa depois de um longo dia de serviço ou de estudo e ter a comidinha da mãe quentinha e prontinha no fogão. Também nada era mais confortável do que você trabalhar e ter seu próprio dinheiro sem ter que se preocupar com despesas, afinal, seu pai quem pagava tudo, não era?
Conforme-se: Vamos sair da zona de conforto porque a realidade é outra. Você se casou e optou por isso. Hoje você pratica o papel que seu pai e sua mãe ensinaram. Em outras palavras, usarei um ditado popular que diz: “Agora você é dono(a) do seu próprio nariz”.
Para que possamos explicar melhor, vamos lá para o começo em Gênesis. Deus criou o homem (Gn 2:7). Logo depois, Deus criou a mulher para que fosse sua ajudadora e companheira (Gn 2:18), pois palavras do Senhor mesmo: “-Não é bom que o homem fique só”. Se formos nos aprofundar no assunto, o que quero dizer é que aonde um ia, o outro acompanhava. É assim que deve ser em uma vida de casado, pois é desta forma que agrada ao Senhor.
A Bíblia tem várias citações a respeito do casamento e, por esta razão, separei algumas delas e criei tópicos para que possa deixar bem claro qual é atitude correta em um casamento:

 - Amor: O amor é eterno (1Co 13:8a). Quem casa de verdade, casa por amor. Deus deu este dom para todos principalmente entre os casados. Ninguém casa por casar a menos que queira isso, pois como disse anteriormente é um passo muito importante em sua vida. Em Ef. 5:25-28, diz que o homem é o principal responsável por isso. Ef. 5:25-28 - Marido, ame a sua esposa, assim como Cristo amou a Igreja e deu a sua vida por ela. Homem, faça de tudo para que sua mulher seja feliz. Mulher, faça o seu papel também. Faça do seu lar um lugar de felicidade. PV 14:1 - A mulher sábia constrói o seu lar, mas a que não tem juízo o destrói com as próprias mãos. Não faça como as incrédulas que fazem uma tempestade em uma coisa tão simples de se resolver. Ninguém agüenta ficar com pessoas assim.

Pv 21 - 9 É melhor morar no fundo do quintal do que dentro de casa com uma mulher briguenta.

Pv. 21 - 19 É melhor morar no deserto do que com uma mulher que vive resmungando e se queixando.

Pv. 27 - 15 A esposa briguenta é como um dia triste em que a chuva não pára de cair.

 Portanto, tome cuidado com as atitudes para não fazer de seu lar um lugar triste e sufocante.

 - Sexualidade: Casamento é sinal de união. Sexo no casamento é sinal de aliança com Deus e foi Ele quem o criou. Entre casados, praticar tal ato não é pecado, muito pelo contrário. Deus se alegra porque sabe que haverá procriações. Não podemos privar nosso corpo de nosso cônjuge porque nosso corpo não nos pertence e sim ao parceiro. Isso só pode ser permitido por Deus se ambos entrarem em concordância para se dedicarem em orações e jejuns por uma certa causa (1Co 7:5).

 Entendam o que quero explicar: não quero passar aqui que devemos todos os dias fazer sexo porque é uma obrigação entre casados. Não é esse o sentido da coisa. O que quero transmitir é que há dias tanto para homens quanto para mulheres em que não estamos aptos para fazer nada muito menos isso. Se por ventura isso acontecer, é nosso dever avisa-lo(a) o motivo pela qual estamos daquele jeito para que satanás não venha usar este momento para causar brigas e frustrações entre o casal. Quer uma dica? Já que seu marido ou esposa fez a sua parte em lhe passar o motivo, faça a sua cobrindo de carinho. Deixe seu cônjuge mais seguro dizendo que você está lá pronto(a) para proteger quando precisar e você que se ausentou do ato, avise-o(a) que isto será passageiro e que logo tudo normalizará.

 - Companheirismo: Maridos, agradem suas esposas indo nos lugares que elas querem ir. Esposas, sejam compreensivas. O mundo não gira somente em torno de vocês. Agradem seus maridos também e assim como eles também agradam a vocês. Vão aos lugares que eles querem também. Lembrem-se que vocês mulheres tem que fazer do seu lar um lugar feliz (Pv 14:1) e vocês, maridos, lembrem-se que vocês são responsáveis pelo desenvolvimento do mais importante sentimento que existem: O amor (Ef. 5:25). Deus criou Eva porque não era bom que Adão ficasse só (Gn. 2:18). Não vamos agora fugir das regras de Deus, concordam? Maridos e esposas, sejam companheiros em todos os momentos com seus parceiros.

 - Submissão: Ef. 5 - 22 Esposa, obedeça ao seu marido, como você obedece ao Senhor. Mulheres e homens, entendam a palavra OBEDECER descrita nesse versículo (segundo a tradução da linguagem de hoje) de forma correta. Submissão não é abaixar a cabeça e dizer amém para tudo. Submissão é aceitar a missão do outro. Aceite as decisões de seu marido e, mesmo se ele estiver errado, avise-o o motivo pela qual ele está errando. Tomando esta decisão, isto é uma forma de você dizer ao seu marido: “-Eu aceito essa submissão porque você me ama e faz tudo pela minha felicidade”. Isso é uma relação de mutualidade. Nem sempre os maridos estão certos e são nestes casos que as esposas entram, pois o Senhor deu o papel de auxiliadora, adjuntora, ajudadora, cooperadora e alguém que vai socorrer o marido quando ele precisar. Não seremos feministas dizendo que não precisam dos homens para nada e também não seremos machistas ao ponto de “se aproveitar” deste versículo para deitar e rolar em cima das mulheres. A mulher não é objeto do homem. A sociedade aí fora diz que é a mulher que deve se entregar ao homem, mas é o homem que deve se entregar a mulher (Efésios novamente).

  - Diálogo: O diálogo de um casal é fundamental. Conversar sobre como foi o dia, sobre planejamentos futuros, conversar sobre o que um não gosta no outro, conversar sobre o que um gosta no outro, dialogar muito e praticar isso. De que adianta seu cônjuge dizer a você que não gosta de tal coisa e dali a pouco você faz isso? Em que isso foi construtivo a você? Você acha que vale a pena dizer: “- Eu sou assim, você tem que se acostumar comigo assim e eu vou morrer assim”. Por que isso? Lembre-se que você está dividindo o mesmo lugar com uma pessoa diferente de você. Como diz o título, casamento é ceder. Pequenos gestos e atitudes como não deixar a toalha na cama, colocar o sapato dentro da sapateira ou jogar simplesmente o lixo (papel de bala, papel amassado, etc) no lixo, por exemplo, fazem uma grande diferença.

 - Tarefas: Maridos, é seu dever suprir as necessidades básicas (moradia, alimentação, despesas, etc). Esposas, é seu dever deixar a casa em ordem e bem arrumada (o famoso lavar, passar e cozinhar). Agora não é problema nenhum um ajudar o outro. Maridos, por que vocês não podem lavar uma louça de vez em quando? Passar uma roupa? Fritar um ovinho que seja? Ajude a sua mulher, pois tarefas domésticas também cansa, sabiam? Note que você também usa aquela roupa cheirosinha e passadinha que ela deixa prontinha pra você. Esposas, você tem a sua renda própria? Trabalha fora? Por que você não pode ajudar seu marido de vez em quando a pagar uma conta? Lembre-se também que você também usa aquilo que ele põe para dentro de casa. Se por ventura você não tem renda própria, pense duas vezes antes de reclamar da casa, da comida. Isso chama-se Relação de mutualidade, ou seja, um ajuda o outro e se sentem bem em faze-los. Fazendo isso e não deixando somente a carga para um, vocês verão que os problemas não são tão grandes quanto se parecem.
Seguindo estes conceitos, vocês verão que como é bom casar, como é maravilhoso viver ao lado de quem gosta, de quem se ama, de quem se optou para viver junto. Brigas e desentendimentos fazem parte até mesmo para o crescimento de ambos e, na reconciliação, o amor ficar ainda mais forte.

                  Creia nisso e verão que a Glória de Deus se manifestará em vós, em nome do Senhor Jesus.

 Pv 13: 4-5 Quem ama é paciente e bondoso. Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso. Quem ama não é grosseiro nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas.


Fiquem na paz do Senhor.
FÁBIO COSTA


video